Psicóloga do DETRAN é presa por aplicar golpe em exame para CNH

A suspeita foi presa em flagrante, no seu consultório.

Uma psicóloga foi presa por corrupção passiva, na Vila Amélia, litoral norte de São Paulo. Os policiais civis da Delegacia de Polícia de Investigações Gerais (DIG) de São Sebastião (Deinter 1) prenderam a profissional na tarde de terça-feira (1º), após investigações apontarem que ela fazia exames psicotécnicos para emissão e renovação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), no Departamento Estadual de Trânsito (Detran). A mulher forjava reprovações para que os candidatos pagassem por novos exames.

De acordo com a polícia, a suspeita foi presa em flagrante, no seu consultório.

A psicóloga identificada com a iniciais I.C.B.L, 60 anos, é de São Sebastião. Ela também cobrava por novos testes de duas vítimas, que já estavam aprovadas no cadastro estadual.

“Ela falava que tinha reprovado, mas no sistema do Detran estava aprovado, assim cobrava novamente. Uma moça que conheci tinha reprovado três vezes, mas na verdade também estava aprovada. Quando a pessoa faz o exame, a psicóloga tem 48 horas para passar ao site do Detran”, contou uma vítima em entrevista ao Radar Litoral.

Esta entrada foi publicada em Geral. Adicione o link permanente aos seus favoritos.